quinta-feira, 26 de abril de 2012

Ônibus da Princesinha mata mais uma pessoa

Moradores da Mangabeira revoltados quebraram as vidraças do onibus
O acidente automobilístico envolvendo o ônibus da empresa princesinha, placa GVQ-1488, Número de ordem A 153, que faz o serviço de transporte urbano em Feira de Santana, mata mais uma pessoa. Desta vez, a vitima foi o ciclista Pedro de Alcântara Santos Souza, 40 anos, que residia na rua Tupinambá, no bairro Mangabeira.

Maria de Lourdes
O acidente aconteceu, na noite de ontem (25), por volta das 23 h, na mesma rua, onde a vitima morava. De acordo com Maria de Lurdes de Jesus Pereira, prima da vítima, o veículo fazia a rota Mangabeira – Iguatemi via Maria Quitéria. “O ônibus estava na contra mão, quando atropelou meu primo, todo mundo viu”. Contou Maria de Lourdes.

Pedro não resistiu e morreu
Ainda de acordo com familiares da vitima, Pedro, que trabalha como pedreiro, retornava de bicicleta da casa de um amigo, após, o mesmo ter assistido uma partida de futebol pela televisão, quando foi atropelado. O pedreiro ainda chegou a ser retirado debaixo das rodas do ônibus com ajuda da comunidade.

O serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) prestou socorro a Pedro até o Hospital Geral Clériston Andrade (HGCA), mas não resistiu. O corpo da vitima foi encaminhado para o Departamento de Polícia Técnica (DPT), para fazer a necropsia.

O acidente está sendo apurado por policiais da 2ª Delegacia, que tem o comando do delegado Madson Sampaio, que deverá intimar o motorista do ônibus que fugiu do local após o acidente.

3 comentários:

Anônimo disse...

Tem que investigar isso aí! Tem que indiciar esse motorista por Homicidio doloso, já que quando ele entrou na contra-mão ele assumiu a responsabilidade de matar, basta vc parar meia hora no trânsito pra ver como eles se comportam, metem o ônibus em cima de todo mundo, carro, moto, bicicleta, invadem o sinal vermelho, principakmente aqueles próximos ao terminal central, isso é um desrespeito com a população!

Carlão. disse...

Isso aí é Motorista sem experiencia que estas empresas admitem, tem deles que mal sabem dirigir carros pequenos.

Anônimo disse...

casos piores a policia nao esta envestigando vai invesigar esse?